Como usar cola durepoxi

Durepoxi: tudo que você precisa saber!

Se você estiver trabalhando com fibra de vidro, carpintaria, cimentos, metais ou plásticos, epóxis são a escolha perfeita quando você precisar de uma cola super-resistente. Depois que você aprender como escolher a resina epóxi correta para o material com o qual está trabalhando, você poderá seguir confiante com o projeto. Esse guia irá ajudá-lo a entender como usar durepoxi corretamente para obter os melhores resultados ao final do projeto.

O que é uma cola epóxi e para que serve?

Durepoxi é um adesivo termofixo que endurece quando mistura a resina epóxi com um agente catalisador, também chamado popularmente de “endurecedor”. Os dois componentes (resina e endurecedor), devem ser misturados apenas no momento em que forem ser utilizados. A mistura pode ser feita automaticamente com uma seringa específica para isso ou de forma manual misturando tudo em um recipiente separado. A medida para a mistura deve ser 1 para 1, caso contrário a resina pode não ficar no ponto ideal, não ficando resistente o suficiente.

Depois de misturar os dois componentes, começa o tempo de trabalho para aplicação do produto e posicionamento das partes a serem coladas. O tempo de trabalho pode variar de alguns minutos a algumas horas, pois a secagem parcial varia de acordo com o produto utilizado (seringa de 5 a 7 minutos / bisnaga de 10 a 15 minutos / massa em torno de duas horas). A secagem completa e resistência máxima do produto ocorre após 24 horas da aplicação.

O epóxi tipo massa é extremamente versátil e forte, o que faz dele ideal para projetos profissionais e ao melhor estilo “faça você mesmo”. Também é ideal para preencher lacunas, o que o torna perfeito para reconstruções. Além disso, o epóxi tipo massa pode ser lixado, perfurado e pintado. Isso proporciona uma gama muito maior de usos do que uma cola padrão.

Instruções para usar durepoxi

  1. Lixe cuidadosamente a superfície em que você pretende aplicar a resina, essas devem estar limpas e secas, isentas de poeira, óleo ou graxa. 
  2. Despeje partes iguais dos conteúdos das duas bisnagas em uma bandeja. Misture bem até obter um gel homogêneo. Mas atenção! É preciso utilizar a mistura em até sete minutos. 
  3. Aplique a mistura em uma das partes a serem coladas. Junte as peças e pressione uma contra a outra até que a secagem esteja completa. Se preciso for, utilize elásticos ou braçadeiras para manter as peças unidas. O tempo inicial de secagem é de 10 a 15 minutos, no entanto recomenda-se que as peças fiquem em repouso por 2 ou 8 horas. Para peças que sofrerão esforços mecânicos, recomenda-se aguardar até 24 horas para seu uso. 
  4. Recolha o material restante, limpe a ponta das bisnagas volte a colocar a tampa.
  5. Remova o excesso de epóxi.

Durepoxi para metal

Usar epóxi para colar metal é uma alternativa útil para unir, soldar e parafusar. Uma cola para metal bastante resistente é a Loctite Durepoxi Massa. Esse produto é ideal para reparar eletrodomésticos, máquinas e tubos não pressurizados, também é altamente eficaz na fixação de parafusos no metal. De cor cinza ou branco, este material pode ser lixado ou perfurado. É resistente à água e pode ser aplicado em até 20 minutos e possui secagem completa em até 24 horas.

Durepoxi para marcenaria

Se você tem um pedaço de madeira quebrado você vai precisar de um epóxi para madeira. O Durepoxi Líquido é ideal para reparos verticais, possui uma alta viscosidade e por isso não pinga com facilidade. A fórmula da versão bisnaga age entre 5 e 7 minutos pode ser facilmente colorida para combinar com a cor da superfície. O produto é resistente à água, não encolhe e, portanto, perfeito para uso externo.

Você também encontra o Loctite Durepoxi Líquido na embalagem com aplicador de seringa que mistura automaticamente a resina e o endurecedor. Isso poupa o trabalho de ter que misturar os dois componentes, o que torna os reparos mais rápidos e fáceis.

 

Durepoxi para plástico

De cadeiras a peças de carros, o plástico pode ser moldado em objetos de variadas formas e tamanhos. Com todos os produtos de plástico encontrados na maioria dos lares, não é surpresa que alguns deles ocasionalmente precisem de reparos. É uma boa ideia ter sempre à mão um epóxi!

De olho na dica: Deixe o material secar a temperatura ambiente, pois a exposição a temperaturas excessivas pode comprometer sua resistência final.

Como remover epóxis

Adesivo epóxi é projetado para durar, então é bom evitar que ele se espalhe para além dos locais necessários na hora de fazer seus reparos. Mas não se preocupe! Aqui estão algumas dicas sobre como remover epóxi, caso aconteça algum imprevisto.

  • Removendo epóxi seco: Se o epóxi que você está usando secou e endureceu, você pode removê-lo manualmente lixando ou raspando a área.
  • Removendo epóxi úmido: Enquanto o epóxi ainda está úmido sua textura é macia e por isso a remoção é muito mais fácil. Acetona simples ou álcool isopropílico já resolvem o problema. Basta aplicar o produto escolhido em um pano e esfregar a área até que a cola desgrude.
  • Removendo epóxi da pele: Recomendamos sempre o uso de luvas, mas caso o epóxi entre em contato com a pele, remova-o o mais rápido possível. É bem simples, basta usar sabão e água morna.